Reseta





Enquanto solteiro, eu ficava imaginando como seria o nome do meu – próximo – namorado. Depois de duas letras R passarem “Rastando” na minha vida, eu imaginava que um Ricardo ou Rogério surgiria logo mais.

Elias. R nenhum. Passou por mim enquanto subia a pé em uma Rua ao lado do seu então namorado no dia em que se preparava para terminar com o fofo – ele jura sobre isso, eu confio e amo isso. Enquanto o casal falido passava, eu bebia e acenava de um bar junto a dois amigos. Segundo ele, meu aceno me mostrou alguém “interessante” – matricule-se no meu intensivo “Aceno Não Obsceno” em matheusfarizatto@gmail.com.

Eu jurava que seria um R. Eu jurei que não daria certo namorar alguém mais novo outra vez, com base no segundo R que “Rastei” e não Rendeu. O Elias veio sem R e me trouxe um E que me Encantou com sua maturidade, conhecimento e curiosidade que enganam qualquer idade. Foi minha Rendição. 

Depois de pagar a minha língua com minhas previsões burras, o R que chegou para ficar ao longo da minha vida e em meus Relacionamentos é o R de Reseta.

Inglês? Reset. Português? Reinicie. Recomece.

Achou que sabe alguma coisa dessa vida? Repense.

Reseta quando terminar um namoro. Sinceramente, suas referência passadas te dão algum piso, mas não definem o seu telhado.

O R de Ranço pode dar lugar ao Reseta no Reencontro com alguém que já te deixou desconfortável em algum passado. Ao Rever este ser, Reseta. Reveja de coração aberto, ouça, mostre que está Reiniciado sobre essa Relação.

Ao sair de um emprego, Reseta. Vá para uma nova conversa de trabalho sem Reservar discursos prontos, previsíveis, padrões vistos aos montes em revistas de negócios e LinkedIn. Refaça.

Se um curso não te Realiza, pare. Cancele. Mude. Rompa.

Fique em silêncio, pense... Só assim para você se Reestabilizar.

Continuar e seguir e avançar sem freio é a Receita perfeita para você se perder. Bota um R para Reaprender aquilo em que você se encaixa e saber ver aquilo em que você se obriga.

Reseta porque é só depois disso que você se Reencontra.


Comentários

Carol disse…
Adorei o texto.
Que bom que curtiu, Carol! Obrigado por ler. Volte toda semana. Por favor. Eu pago. Mentira rsrs.